Dr. Alesson Bernini

Pé Diabetico

DR. ALESSON BERNINI
ARTIGO

Pé Diabetico

O que é Pé diabético

Chamamos de pé diabético a situação onde um paciente portador de diabetes desenvolve feridas de difícil controle e cicatrização nos pés.

Pé Diabético

Causas de Pé diabético

Isso ocorre por algumas características que o paciente diabético possui nos pés:

  • Perda da sensibilidade nos pés: o paciente diabético, com o passar dos anos, fica com o pé insensível e isso facilita traumas ou atrito com calçados e atrasa o tratamento visto que o paciente muitas vezes nem percebe a presença da ferida;
  • Diminuição da circulação: isso faz com que as células responsáveis pela cicatrização não cheguem de maneira adequada no local da ferida dificultando a cicatrização. A mesma coisa ocorre com as células de defesa, facilitando assim a ocorrência de infecções no local.

Infelizmente, esta é uma das principais causas de internação em pacientes diabéticos, podendo gerar complicações graves.

Portanto, recomenda-se que além do tratamento clínico realizado geralmente pelo médico endocrinologista, todo paciente diabético tenha acompanhamento regular de um ortopedista especialista em pé e tornozelo.

Isso permite a prevenção e a avaliação do risco do desenvolvimento do pé diabético através do exame da sensibilidade, circulação, possíveis áreas de atrito nos pés, além do aconselhamento de medidas diárias para evitar o aparecimento do problema.

Tratamento de Pé diabético

Quando uma ferida é detectada o tratamento deve ser iniciado o mais rapidamente possível afim de se evitar as complicações mais graves (infecção, osteomielite e até mesmo amputações).

Portanto, quando se trata de pé diabético, prevenção é fundamental:

– manter os níveis de glicemia sempre controlados

– usar calçados confortáveis, de preferência largos e macios

– observar os pés com frequência, principalmente aqueles locais mais difíceis (entre os dedos, na sola dos pés)

– ter acompanhamento multidisciplinar (endocrinologista, ortopedista, nutricionista, etc…)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 3 =